Gabriela Marcon   E-mail Facebook Twitter Blogger
 
Home   Perfil   Imprensa   Mestre de Cerimônias   Multimídia   News   Contato
 
     
 

_News

 
 

Arquivo

  Abril 2017
  2016
  2015
  2014
  2013
  2012
  2011
 
 
Cineserra - Festival do Audiovisual da Serra Gaúcha
 
Eis o logotipo criado pela Jamwork Estúdio Estratégico para o Cineserra – Festival do Audiovisual da Serra Gaúcha, que acontece de 18 a 21 de outubro de 2013 em Caxias do Sul. De 5 a 25 de agosto ficam abertas as inscrições de filmes, documentários e videoclipes que serão selecionados para participar da mostra regional.

O Cineserra exibirá seleção de filmes de curta e média-metragem, documentários e videoclipes produzidos na região Nordeste do Rio Grande do Sul entre janeiro de 2010 e dezembro de 2012, com premiação para os melhores de cada categoria. Ao todo, serão 20 prêmios.

Além da mostra, o evento terá dois workshops de capacitação para a produção cinematográfica, ministrados por profissionais reconhecidos pela indústria nacional do cinema, e uma palestra com um cineasta convidado, seguida de exibição de um longa-metragem próprio.

Por enquanto, roteiristas, produtores, diretores e cinéfilos em geral podem curtir a página do Cineserra no Facebook (www.facebook.com/festivalcineserra) e acessar o blog www.cineserra.blogspot.com para acompanhar as informações sobre o festival, incluindo o regulamento. O Cineserra tem financiamento da Lei de Incentivo à Cultura, com apoio cultural da Randon, Racon e FSG.

Outras informações:
Comissão Organizadora
Cláudio Troian: 54 8117.3074
Leandro Daros:  54 9973.7391


 
         
Exposição 'Ritmos em Cor'
 
Conhecido pelo seu trabalho como restaurador de bens culturais e patrimônios artísticos, Flávio Drum percebe a vida como uma constante variação de pensamentos, emoções e sensações. Assim surge o conceito de suas obras na mostra ‘Ritmos em Cor’, que será aberta dia 11 de julho na Galeria de Arte do Centro Municipal de Cultura Dr. Henrique Ordovás Filho.

Natural de Tupanci do Sul e acadêmico do curso de Licenciatura em Artes Visuais da UCS, Drum mostrará 11 telas pintadas em estilo abstrato, na exposição contemplada pelo Financiarte. As composições têm como base planos geométricos e cores vibrantes. “A cada instante somos traídos ou surpreendidos por uma nova forma de ver ou sentir. Vida é ritmo e cada indivíduo vive em intensidades diferentes. Todos nós, em conjunto, criamos uma diversidade harmônica que compõe os fragmentos desse ritmo”, afirma.

Segundo o artista, as obras são resultado de uma trajetória de pesquisa e investigação. “A pesquisa se dá dentro de uma percepção estética. Neste caminho acontecem experimentos e a concepção poética surge a partir de um conceito explorado pelo artista ao compor num universo estético de relações, separando cada fragmento como se fosse uma sucessão de atividades e experiências individuais. Por fim, vem o ritmo”.

Antes do projeto cultural ‘Ritmos em Cor’ ser aprovado, Drum já tinha uma trajetória ligada à arte, desde quando um desenho da Estação Férrea de Caxias, de sua autoria, foi selecionado entre mais de 70 inscritos para o Salão do Jovem Artista, em 2008. Depois, ele voltou a participar do Salão na edição de 2010. Além disso, já expôs trabalhos em mostras individuais e coletivas na Galeria Municipal de Arte Gerd Bornheim, no Campus 8 da UCS, na Receita Federal, no próprio Centro de Cultura Ordovás, nos Pavilhões da Festa da Uva e no Jardim do SESC.

EXPOSIÇÃO ‘RITMOS EM COR’
Centro Cultura Dr. Henrique Ordovás Filho | de 11/07 a 10/08
Campus 8 | de 3 a 24/09
Cidade Universitária – Quiosque da UCS na Galeria Universitária | a definir

Apoio:

Padaria 14 Bis
Livraria Rossi
Liv Design

Promoção:

Unidade de Artes Visuais
Centro Municipal de Cultura Dr. Henrique Ordovás Filho

Financiamento:

Financiarte
Prefeitura Municipal de Caxias do Sul
Secretaria da Cultura



 
         
         
Liderança na Prática. Prática na Liderança.
 
 
Oficina desenvolve conhecimentos e habilidades de líderes
que parecem ser óbvios, mas não são

Saber ler e escrever. Saber ouvir e falar. Participar de reuniões de negócios. Delegar, monitorar, motivar, supervisionar. Fazer networking em eventos corporativos. Ministrar palestras e apresentações empresariais. Dar entrevistas. Tudo isso pode parecer óbvio para quem lidera uma equipe. Mas se assim o fosse, uma oficina do Liderata – programa aberto de formação de lideranças, não seria criada justamente para praticar a liderança.

Aprender a lidar consigo mesmo, com os outros e com a empresa são os três pilares de sustentação do programa criado em 2012 pela empresa Grandi&Garay Executivos e Consultores. “Como era ano de Olimpíadas, refletimos sobre o seguinte princípio: um atleta treina mais de 300 dias por ano para colocar à prova todo seu esforço, dedicação, disciplina e empenho numa competição onde só os melhores do mundo estão, durante 15 dias. Já a performance do líder de uma empresa é testada todos os dias do ano. E quantos dias por ano ele têm para treinar?”, analisa o consultor, especialista em formação de lideranças e sócio-diretor da Grandi&Garay, Tiago Grandi.

Depois de mais de 10 anos de experiência em consultoria e formação de líderes e gestores, a equipe da empresa decidiu proporcionar aos líderes do mercado de trabalho uma intensa experiência de três dias. Conforme Grandi, a proposta do Liderata é a de que os líderes tenham espaço e tempo para treinar, para praticar liderança entre si, trocando experiências e transformando isso em consciência de si mesmo, dos seus liderados e da empresa.

Como se trata de uma imersão, além do material didático de treinamento, o programa oferece hospedagem e todas as refeições. A cada programa, 20 novas vagas são oferecidas. Mas ao longo de toda trajetória da Grandi&Garay, mais de 400 líderes de organizações de diversos setores e portes já passaram pela consultoria da empresa. Tiago Grandi reforça que todos os líderes deveriam passar por três testes: fidelidade, competência e compostura. 

 
A OFICINA LIDERATA

Para quem não pode participar destes três dias de imersão do programa (até agora já foram realizadas duas edições, sendo que a terceira será em outubro), a Grandi&Garay resolveu organizar uma oficina de comunicação, expressão e oratória empresarial, que acontece no dia 19 de julho, das 14h às 20h.

Além de uma palestra inicial de apresentação dos conceitos do programa, a oficina terá simulação de práticas individuais e em grupo. No encontro, serão intensificadas as competências dos participantes, como conhecimentos e habilidades que geram resultados. 

Podem participar profissionais que já são líderes, bem como aqueles que estão se preparando para assumir um cargo de liderança. Segundo o consultor, a oficina também é aberta a profissionais autônomos (arquitetos, engenheiros, advogados, etc.) que não necessariamente gerenciem equipes de trabalho, mas podem exercer influência sobre os colegas. “A maioria das lideranças não teve uma formação completa, conceitual e prática. Eles acabam aprendendo ‘na marra’ a gerenciar, e aí começam a surgir conflitos”, acrescenta Tiago.

Benefícios e resultados esperados da imersão no Liderata

• Reconhecer as próprias características como líder e desenvolver sua autenticidade e estilo de liderança;
• Identificar os elementos que implicam em boas relações humanas e na saudável interação com os seus liderados;
• Compreender a influência do líder sobre a cultura da empresa e a dinâmica de desenvolvimento do ambiente de trabalho;
• Mapear o ciclo de vida dos grupos e desenvolver equipes de trabalho;
• Conduzir reuniões com mais eficácia;
• Comunicar-se com melhor capacidade de expressão e clareza;
• Delegar tarefas com mais precisão e qualidade;
• Orientar seus colaboradores e dar feedback completo;
• Examinar e solucionar problemas com lógica e criatividade simultaneamente;
• Combinar planejamento e execução na sua prática gerencial;
• Desenvolver seu próprio plano de carreira como gestor.

Sobre Tiago Grandi | É natural de Porto Alegre. Começou a carreira de consultor em 1998. Filiado à ILA – International Leadership Association -, com estudos em engenharia, administração e filosofia, e especialista em gerenciamento de projetos pelo PMI – Project Management Institute -, Tiago Grandi é sócio-fundador da Grandi&Garay Executivos e Consultores, e criador e coordenador do Liderata – Programa Aberto de Formação de Lideranças.

OFICINA LIDERATA
Comunicação, Expressão e Oratória Empresarial
19/07/13 | das 14h às 20h
Inscrições e informações | 54 3538.6858


Outras informações
Grandi&Garay Executivos e Consultores

Tiago Grandi | especialista em formação de lideranças
contato@grandi-garay.com
www.tiagograndi.com.br
54 3538.6858
Mais sobre o Liderata acesse: www.liderata.com.br
 
         
Cuidar da pele é questão de saúde
 
 
Clima frio também pode acelerar o processo de envelhecimento da pele

O senso comum sempre aponta para o sol quando o assunto é o envelhecimento da pele. Mas ele não é o único vilão, e nem o uso isolado e contínuo de protetor solar é suficiente para travar este processo. Nas estações mais frias do ano, quem mora na Serra gaúcha, necessariamente tem de usar água quente no banho. É quando sai a intensidade do sol, mas entra o clima gelado, que também agride a pele. Ou seja, toda hora é hora de tratar bem a pele.

A questão é que o envelhecimento e o ressecamento da pele não vêm apenas com a exposição ao sol, na praia ou na piscina, durante o verão. “A própria estrutura da pele de cada pessoa e os seus fatores genéticos, independem da frequência de exposição ao sol. Lógico que devemos usar protetor solar todos os dias, mas ele não faz milagre. Aliás, não existe milagre nesse sentido. O que existe é prevenção e disciplina quanto ao uso diário de uma junção de vários produtos, além de tratamentos de rejuvenescimento”, enfatiza a fisioterapeuta dermatofuncional Leandra Paes.

Segundo ela, as pessoas precisam assimilar que cuidar da pele, por meio de tratamentos adequados e constantes o ano inteiro, é uma questão de saúde, e não meramente de estética. E que a sensação de eterna juventude às vezes pode retardar os cuidados que as pessoas, principalmente as mulheres, devem ter com a pele todos os dias. “A flacidez, a diminuição do contorno facial, as manchas, as linhas de expressão e as rugas são sinais comuns de envelhecimento da pele, que começam a aparecer a partir dos 30 anos de idade”, afirma.

Há dois meses, a empresária Marisa Pires começou a fazer tratamentos para flacidez. “Sou ex-fumante, então minha pele, além de flácida, estava um pouco desidratada, com aquele aspecto ‘craquelê’, semelhante a rugas. Comecei um tratamento para suavizar isso e, conjuntamente, para firmar mais a pele, porque sempre tive medo de recorrer à cirurgia plástica. Só que as linhas de expressão não me incomodavam tanto quanto a flacidez e a perda do contorno facial do rosto. Estou bem contente com os resultados e me sentindo mais bonita”, diz.

Os aliados do rejuvenescimento

No rosto, a perda do contorno facial que a empresária se refere é um dos primeiros sintomas de envelhecimento, combatido com eficácia por meio da Radiofrequência, tratamento que estimula a produção de neocolágeno. A face que está, por exemplo, muito enrugada, suaviza consideravelmente. Uma pele mais firme aparece gradualmente, num período de dois a seis meses, pois há deposição de um novo colágeno, mais denso, e um aumento apreciável na espessura da epiderme.

Outro grande aliado do rejuvenescimento da pele, ainda pouco explorado, mas muito utilizado e recomendado pela fisioterapeuta dermatofuncional Leandra Paes é o antioxidante, que atua na camada mais profunda da pele. Ele atua como uma segunda linha de defesa e funciona como um complemento ao protetor solar. Isso porque o protetor não bloqueia todos os danos causados pelo sol, considerado um dos inimigos da pele quando o assunto é envelhecimento.

O antioxidante estimula a produção de colágeno, corrige a pigmentação, proporciona mais firmeza e, claro, rejuvenesce a pele. De fácil absorção, pode ser usado em qualquer tipo de pele. “Quando usamos um produto que repara os danos da nossa pele, ela consegue desempenhar o seu papel de regeneração. Isso já é uma prevenção ao envelhecimento”, complementa Leandra.

Outras informações
Leandra Paes | CREFITO 34585 F

Fisioterapeuta Dermatofuncional
Atendimento junto ao Estúdio Jefferson Hoffmann – www.estudiojh.com/blog
Av. Júlio de Castilhos, 1195 | Centro | Caxias do Sul (RS).
54 3214.8554
leandrapaesfisio@gmail.com


 
         
Se minha empresa falasse...
 
 
Livro de crônicas do formador de líderes Tiago Grandi estimula
reflexão inteligente e criativa sobre as empresas


Imagine-se chegando a sua empresa. E, ao entrar na sala de reuniões, quem o está aguardando? A própria. Sua empresa está lá. Sentada, olhando de soslaio e com um sorriso à la Monalisa. Ela lhe diz algumas coisas; o que seriam? De que se trataria essa conversa? Qual seria a pauta da reunião?

Em “Se minha empresa falasse...” (Editora Bookmakers) o especialista em formação de lideranças e sócio-fundador da Grandi&Garay Executivos e Consultores, Tiago Grandi resolve pôr algumas de suas vivências como consultor no formato de crônicas que sugerem, entre outras histórias, a possibilidade de os executivos e empresários conversarem diretamente com as organizações que comandam.

De acordo com o autor, o livro é um estímulo à reflexão inteligente e criativa sobre um dos temas mais complexos do cenário corporativo: a empresa como um ser vivo, seus ciclos de vida e a interação com os agentes de seu meio. “Como consultor, meu trabalho é fortalecer o empresário como líder e como gestor, ajudando-o a lidar melhor consigo próprio, para depois lidar melhor com as pessoas e, em seguida, lidar melhor com a empresa”, afirma Grandi.

As crônicas do livro resultaram de sua metodologia de consultoria: trabalhar a visão de que a empresa é um ser vivo, independente dos empresários que a comandam, e a qual eles devem saber ouvir, ou seja, entender do que a organização realmente precisa a despeito de seus interesses pessoais.

No livro, Tiago busca uma forma de “despersonalizar” a gestão do empresário, tentando fazer um trabalho “mais justo” com esse ser animado (a empresa), ajudando os gestores a verem suas empresas como elas realmente são, não como eles as fantasiam. “A consultoria viabiliza uma gama interminável de experiências em diferentes contextos: de indústrias a serviços; de empresas grandes a pequenas; de multinacionais a empresas familiares; de culturas corporativas agressivas a ambientes burocratizados e lentos. Tudo vira história! Aliás, só conta histórias quem as viveu”.

Sobre Tiago Grandi | É natural de Porto Alegre. Começou a carreira de consultor em 1998. Filiado à ILA – International Leadership Association -, com estudos em engenharia, administração e filosofia, e especialista em gerenciamento de projetos pelo PMI – Project Management Institute -, Tiago Grandi é sócio-fundador da Grandi&Garay Executivos e Consultores, e criador e coordenador do Liderata – Programa Aberto de Formação de Lideranças.

“Aprender com o que fazemos no dia a dia de trabalho é um imperativo para se continuar acordando de manhã, seguindo motivado o mesmo trajeto, com esperança de novos desafios, de novos negócios, de bons momentos como um líder. No caso de um(a) empresário(a), membro da diretoria, ou mesmo em uma posição de média gerência, há que se buscar todos os dias uma nova energia para manter a turma acesa, entusiasmada. Isso parte de uma automotivação básica, já que não podemos impor um ritmo de trabalho sem tê-lo assumido antes em nós mesmos. Há alguns anos, descobri que há diversas causas pelas quais podemos gerar mais movimento. Dentro de nós – e cada um deve saber de suas idiossincrasias -, existem buscas, curiosidades, interesses próprios. A rotina de trabalho deve ser aproveitada como um campo fértil de resposta a estas perguntas; temos de ver a vida profissional como um meio de crescimento interior também. Desde modo, surgirá, todos os dias pela manhã, um novo e desafiante cenário para encarar”. 
 
Trecho do livro “Se minha empresa falasse...
 

Outras informações

Grandi&Garay Executivos e Consultores
Tiago Grandi | especialista em formação de lideranças
contato@grandi-garay.com
www.tiagograndi.com.br
54 3538.6858






 
         
Página: « 4 5 6 7 8 9 10 11 12 »
 
     
 
Gabriela Marcon E-mail Facebook Twitter Blogger Desenvolvimento WCM3 Agência Web Digital Feeling - Estúdio de Criação