Gabriela Marcon   E-mail Facebook Twitter Blogger
 
Home   Perfil   Imprensa   Mestre de Cerimônias   Multimídia   News   Contato
 
     
 

_News

 
 

Arquivo

  Outubro 2017
  Abril 2017
  2016
  2015
  2014
  2013
  2012
  2011
 
 
CANÇÕES E POEMAS NO NOVO CD DE FÁBIO SOARES
 
 'Das vezes que pensei escrito' é o segundo CD solo
do intérprete, instrumentista e compositor caxiense

‘Das vezes que pensei escrito’ simboliza tudo o que Fábio Soares, 32 anos de idade, já pensou, mas não verbalizou. Suas anotações se transformaram em letras de músicas e poemas. Escritos que, em breve, ele tornará público neste segundo CD solo de sua carreira, gravado com recursos do Financiarte e com previsão de lançamento para o mês de novembro.

Sendo assim, os pensamentos, as vivências e as inspirações constituem a base do novo material de estúdio do intérprete, instrumentista e compositor caxiense. Várias das músicas do novo disco, que está na fase de finalização em estúdio, estarão no repertório de pelo menos três shows confirmados que o artista fará durante os festejos da Semana Farroupilha: dia 11/09, às 22h30, no Parque da Harmonia, em Porto Alegre; dia 17/09, às 20h, no Largo Carlos Fetter, em Farroupilha, e dia 19/09, às 21h, nos Pavilhões da Festa da Uva, em Caxias do Sul.

O CD ‘Das vezes que pensei escrito’ terá 15 faixas e um poema recitado de apresentação. Em formato de livro, com 60 páginas, inclui as letras das melodias, outros 25 poemas escritos por Fábio, além de belas imagens registradas pelas lentes da fotógrafa Tatieli Sperry, dando o tom de sua identidade poética e linha artística. Mas é bom deixar claro: o músico não tem a pretensão de ser poeta. “Os poemas fazem parte do encarte apenas como uma forma de expressão, a caráter de registro mesmo”, enfatiza. Nas composições, há aspectos e traços mais urbanos do que propriamente do campo, tão evidente nas canções gaúchas.

“Penso que meu trabalho tem uma identidade. E ela vem das minhas inspirações, ideias e vertentes que definem o meu estilo de compor e o meu jeito de interpretar. Minhas letras tendem à reflexão da vida urbana e também das vivências que tive no campo, que resgatam um pouco da minha história. E quando tu estás sendo verdadeiro e gosta do que faz, as pessoas percebem, entendem a mensagem que tu queres passar”, afirma Fábio.

Convivendo com a cultura gaúcha em CTG’s desde os sete anos de idade, aos oito ganhou um acordeon do pai, que ouvia Irmãos Bertussi, Teixeirinha, Gildo de Freitas, só para citar alguns dos nomes mais expressivos da música tradicionalista gaúcha. Autodidata, Fábio Soares já participou de vários concursos, encontros tradicionalistas, invernadas artísticas e festivais de folclore, música e poesia no Brasil e no exterior. Fazendo uso da arte para reverenciar os costumes do Rio Grande do Sul, levou seu talento à diversos países: Estados Unidos, Uruguai, Peru, México, Chile, Portugal, França e Bélgica.

MAIS SOBRE FÁBIO SOARES | Acadêmico do curso de Licenciatura em Música da UCS, professor de violão, de Teoria Musical e de Prática em Conjunto no SESI de Caxias do Sul, Fábio Soares também é músico e arranjador em grupos de danças tradicionais gaúchas. Gravou o primeiro disco em 2003, com o grupo Pátria e Querência, que contém cinco composições suas. Em 2005, produziu o disco ‘Um Sonho Domingueiro’ (viabilizado pelo então Fundoprocultura, hoje Financiarte), em parceria com Cléber Casagrande, onde foram registradas 12 músicas de sua autoria. Cinco anos mais tarde, no grupo Pátria Sulina, de Lages (SC), participou como intérprete. Seu mais recente trabalho de estúdio, o CD ‘Tropeiro, meu destino’ (Financiarte), lançado em 2012, marcou o início de sua carreira solo. Dentre os principais prêmios que já conquistou, destaca-se o de “Intérprete Solista Vocal” em cinco edições (2002, 2008, 2009, 2010 e 2011) do Encontro de Artes e Tradição Gaúcha (Enart). No Festival César Passarinho, realizado em Caxias do Sul, já recebeu prêmios de o “Mais Popular” (com a música autoral Este é o lugar) e de “Melhor Arranjo” (com Por ter alma e sentimento, também de sua autoria). Já na edição de 2006 do Rodeio Internacional de Vacaria, foi campeão na categoria “Violão Solo”.

Créditos/fotos: Tatieli Sperry.
 
OUTRAS INFORMAÇÕES
Fábio Soares
54 9932.2690
contato@fabiosoaresrs.com
www.fabiosoaresrs.com

 
         
 
     
 
Gabriela Marcon E-mail Facebook Linkedin Instagram Twitter Blogger Desenvolvimento WCM3 Agência Web Digital Feeling - Estúdio de Criação